Mustang Sally vai abrir mais um restaurante de comida Tex-Mex em São Paulo

Até o final deste ano, a rede de comida Tex-Mex Mustang Sally vai inaugurar mais um restaurante na cidade de São Paulo. A garantia é do sócio responsável pela operação do negócio, Lincoln Almeida, que já avalia espaços em ruas e em shoppings na cidade e na região metropolitana. Por mais algum tempo, o crescimento da rede ainda será por meio de investimento dos atuais sócios e de novos investidores, mas a Mustang Sally já está praticamente formatada para o lançamento de franquias.

Os três restaurantes de Curitiba, capital do Paraná, onde nasceu há 14 anos, e a filial paulistana, inaugurada no final de novembro passado, são praticamente idênticos e seguem rigorosamente

Mustang Sally Batel - Crédito Divulgação-red
Mustang Sally Batel: onde tudo começou

os mesmos processos operacionais. As quatro unidades têm o mesmo layout, a mesma decoração, a mesma identidade visual, os mesmos 63 itens do cardápio e o mesmo atendimento gentil e eficiente dos funcionários da rede, que já ultrapassam uma centena.

Os clientes das quatro casas ouvem até a mesma trilha sonora, com destaque para a canção que dá nome à rede, composta em 1965 por Mack Rice, e que fez sucesso no ano seguinte na interpretação de Wilson Pickett. Mustang Sally também foi tema do filme The Commitments, do cineasta Alan Parker, em 1991. Todas essas referências, os objetos espalhados pelas paredes, as poltronas confortáveis e o bar ajudam a compor nas casas a atmosfera dos anos 1950/60.

Franquias

“Só falta virar franquia”, brinca o empresário, uma vez que cada novo restaurante aberto replica o modelo de sucesso original do Mustang Sally do bairro Batel, em Curitiba, onde a rede nasceu. Almeida conta que um check list de mais de 180 itens avalia até mesmo o posicionamento e alinhamento de cada quadro na parede dos restaurantes.

Em média, com pouco mais de 320 m² de área e cerca de 155 lugares, as quatro unidades atendem 37 mil pessoas por mês, com um tíquete médio de R$ 50. Segundo Almeida, o público sobe para mais de 50 mil no final do ano, meses de maior movimentação.

DSCN8133
Lincoln Almeida: sem medo de ser feliz

Inaugurada em 2003, a primeira casa Mustang Sally é a única até agora instalada em rua. Maior da rede, tem 500 m² e 260 lugares. As demais unidades são todas em shopping centers, incluindo a de São Paulo, instalada no Shopping Plaza Sul, com 300 m² e 142 lugares.

Pé no freio

Segundo o empresário, os planos iniciais para este ano em São Paulo previam a abertura de mais duas unidades. Mas a instabilidade política e econômica que ainda assolam o País desaceleraram o ritmo de expansão. Só não diminuíram o trabalho de busca por espaço no maior mercado do Brasil. “Estamos com quatro pontos de rua sendo prospectados e outros cinco shoppings sendo avaliados na cidade e na região metropolitana de São Paulo”, revela Almeida.

O projeto de expandir a rede por São Paulo, segundo Almeida, obedece a uma lógica muito simples. “Em Curitiba, se traçarmos uma triângulo, para qualquer lado que se olhe, tem um Mustang Sally. No caso de São Paulo, num raio de 45 km, é possível abrir nove restaurantes”, calcula.

O investimento inicial para montar um restaurante Mustang Sally é de R$ 2 milhões. Entre obras e montagem, uma unidade da rede fica pronta em cerca de 90 dias. Segundo o empresário, o retorno do capital investido é de aproximadamente 36 meses. O modelo de expansão seguido pela rede é o de encontrar sempre um sócio investidor, de preferência com capital próprio, para não depender de financiamento bancário. “Se o mercado melhorar, abrimos duas lojas por ano, sem medo de ser feliz”, garante Almeida.

Loja de São Paulo já é a segunda da rede

A filial paulistana do restaurante paranaense, inaugurada no dia 29 de novembro do ano passado, já é a segunda da rede em número de clientes. Almeida conta que um gerente e outros seis funcionários foram deslocados para São Paulo para fazer a implantação da mais nova unidade e garantir todos os processos de qualidade e padronização dos conceitos. O gerente ainda permanece à frente da nova casa.

DSCN8110
Inaugurada em novembro passado, filial de São Paulo já recebe segundo maior público da rede

Com o cardápio que mistura o “melhor da culinária americana e mexicana em um só território”, como destaca o seu slogan, as porções, sempre muito bem servidas, chegam a matar a fome de até três pessoas. Esse é apenas um dos diferenciais que a rede pretende manter em todas as novas unidades.

Almeida lembra que, passadas algumas semanas da inauguração do restaurante de São Paulo, o tíquete médio diminuiu. “Isso é natural, à medida que as pessoas passam a perceber que dá para dividir os pratos e ainda comer bem em nossos restaurantes”, afirma o empresário. Ele diz que o paulistano está acostumado a pagar os preços cobrados no Mustang Sally, mas sem ter a qualidade e a quantidade que a casa paranaense oferece.

Pratos generosos são um dos diferenciais da rede

.

%d blogueiros gostam disto: